Tempo do Advento – A contínua espera – Um texto de Emerson Rodrigues

0

Diante de tantas coisas que vemos diariamente pelo mundo, é muito comum vermos pessoas dizendo “Volta Jesus” ou “Jesus está voltando”. Isso é dito há muito tempo. Na verdade é dito há dois mil anos! E você poderia se perguntar: “Cadê esse Jesus que não volta?”

O Advento tem um duplo sentido celebra as duas vindas de Jesus. A primeira vinda de Jesus que se deu com seu nascimento, e a sua segunda vinda que um dia se dará. Parece algo surreal, utópico, impossível, mas, para o cristão é algo não só possível mas certo de acontecer um dia.

É um tempo litúrgico que ressalta uma espera não estática nem acomodada, e muito menos tenebrosa. É o que nós, católicos, rezamos e pedimos quando rezamos o Creio, seja no Terço ou na Missa: “Está sentado à direita de Deus Pai Todo Poderoso de onde há de vir a julgar os vivos e os mortos…”.

Jesus vem ao nosso encontro de várias formas, seja pelo Amor, seja num irmão, seja pela Igreja, pelo necessitado e etc… Mas, virá o dia em que de fato Ele será visto por todos no céu, Ele não voltará aqui da mesma forma que veio há dois mil anos, ou seja, para nascer de uma mulher, viver como homem, ser morto e tal, nada disso!

Ele virá para levar os que são seus e dar aos que em toda a sua vida o rejeitaram, a eterna distância da sua presença.

A nossa espera é uma espera feliz e confiante. Jesus é nosso Deus, e nos ama e o que Ele mais deseja é nos ver com Ele para sempre na Vida Eterna!

Escritos de Emerson Rodrigues, Professor com Graduação em Ciências da Computação

Da Redação/Portal Aracagi

Share.